[1]
L. C. Hilário, «Adesão psíquica à barbárie: crise, fetichismo e subjetividade», R_Dis, vol. 1, n.º 1, pp. 79–92, jun. 2018.